Padre bom…

… é padre morto. Conforme prometi no post anterior, aqui vai:

Deu noG1:

Um padre de 62 anos foi preso na noite de quinta-feira (2) na Zona Norte de São Paulo suspeito de atentado violento ao pudor contra uma menina de 4 anos. De acordo com um boletim de ocorrência registrado no 39º Distrito Policial, na Vila Gustavo, a criança relatou aos pais supostos abusos que teriam ocorrido dentro da escola onde ela estudava.

O G1 procurou a Arquidiocese de São Paulo e foi informado das providências tomadas sobre o caso. “Ele foi suspenso para que todas as investigações sejam feitas com isenção”, disse o padre Juarez de Castro, assessor de imprensa da arquidiocese. Segundo Castro, o padre era diretor da creche ligada à paróquia. Ele não teria contato direto com as crianças, porque exerceria apenas funções administrativas.

A Justiça expediu um mandado de prisão temporária contra o padre, de acordo com a polícia. Segundo o boletim de ocorrência, os pais da menina foram até a delegacia na quarta-feira (1º) relatar o que a criança contou a eles. Ela teria dito na terça-feira (30) que não queria ir mais à escola. Questionada sobre o motivo, a menina supostamente disse que o padre mostrou o órgão genital a ela dentro do banheiro da escola.
O pai da menina gravou o relato no telefone celular. A criança teria contado detalhes de uma outra ocasião, quando o padre supostamente a levou de novo ao banheiro. O boletim de ocorrência diz que ela relatou a mesma história ao delegado, incluindo os detalhes. A menina também reclamava, segundo os pais, de dores na área genital há cerca de dois meses.

A criança foi levada ao Hospital Pérola Byington, onde passou por exames. O padre Juarez de Castro disse que a arquidiocese também tentará saber o que ocorreu. Segundo ele, no entanto, é preciso ter cuidado na apuração do caso, porque a acusação foi feita por uma criança.

Nota da secretaria

Por meio de nota à imprensa, a Secretaria Municipal de Educação anunciou que determinou que a Direção Regional de Educação da Zona Norte “acompanhe com rigor que a denúncia merece” o caso do Centro de Educação Infantil (CEI) conveniado. ” Se for comprovado qualquer desvio de conduta da entidade que dirige a escola, serão tomadas medidas punitivas contra mesma, que podem chegar até ao seu descredenciamento”, afirma a nota.

Inguinoranssa acredita que em tempos como estes não é de se estranhar que o Anticristo esteja chegando. Amanhã!

Anúncios

~ por inguinoranssa em julho 6, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: