Até mais, David…

Deu na Folha Online e no resto da mídia:

“O ator David Carradine, estrela da série de TV dos anos 1970 “Kung Fu”, foi encontrado morto nesta quinta-feira (4) em Bancoc, na Tailândia.

O porta-voz da embaixada dos Estados Unidos no país, Michael Turner, confirmou a morte do ator e disse que Carradine morreu entre a noite desta quarta-feira (3) e a manhã desta quinta, mas que não poderia fornecer detalhes em consideração à família do ator.

O site do jornal “The Nation” citou uma fonte não identificada da polícia que afirmou que o ator foi encontrado enforcado em seu quarto em um hotel de luxo e suspeita que tenha cometido suicídio.

O representante do ator, Chuck Binder, disse à rede “Fox” que a equipe notou a ausência do ator na quarta-feira à noite, depois que ele não apareceu na hora do jantar.

Quando o produtor foi ao quarto do ator na manhã seguinte, descobriu que ele estava morto, mas também não especificou as causas do falecimento.

Binder qualificou a morte de Carradine como algo “estremecedor e triste”.

Carradine, nascido na Califórnia, Estados Unidos, era membro de uma famosa família de atores de Hollywood que inclui seu pai, o ator John Carradine, e seu irmão, Keith.

O ator trabalhou paralelamente no cinema e na televisão. Em 1971, o produtor Jerry Thorpe pediu que interpretasse o monge Kwai Chang Caine na série “Kung Fu”, cujo sucesso o lançou à fama mundial.

Recentemente, o ator foi visto nos cinemas na série de filmes “Kill Bill”, de Quentin Tarantino, no papel do personagem Bill.

Anúncios

~ por inguinoranssa em junho 5, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: